monitoramento-coluna-dagua Monitoramento de coluna D’água em Barragens

Monitoramento de coluna D’água em Barragens

Categoria: Sensoriamento FBG

A Função das tecnologias para instrumentação de barragens é fornecer parâmetros de comparação com os diferentes cenários considerados no projeto da mesma. São definidos como auscultação o conjunto de diferentes métodos de observação e medição do comportamento de uma determinada obra de engenharia, de forma a controlar suas condições de segurança, comprovar os métodos de cálculo utilizados no projeto, bem como verificar a necessidade de utilizar medidas corretivas. A função dos piezômetros é fornecer a leitura da carga de pressão no ponto em que foi instalado. Através da carga de pressão, pode ser calculada então a carga total no ponto determinado. Nestes instrumentos, o valor de leitura informado é a cota piezométrica, ou seja, a carga total no ponto de instalação em relação ao nível do mar.

 

 

Impulsionada pela evolução natural dos piezômetros elétricos, nossa solução atende a Portaria DNPM nº 70.389, de 17 de maio de 2017 sobre Segurança de Barragens de Mineração. Os piezômetros ópticos deteem altíssima sensibilidade para monitorar a altura de coluna de água do vertedor. Similares a um piezômetro de corda vibrante, nossos sensores são também dotados de um diafragma, entretanto sua deflexão é medida, através de um sensor óptico de precisão, baseado numa tecnologia de fibra óptica denominada FBG. Os Piezômetros Ópticos oferecem vantagens únicas para monitoramento de diversas estruturas hídricas, e atualmente adotados como tecnologia preferencial para estruturas de barragens em países como Alemanha, Canadá e China, pois oferecem benefícios únicos.

 

 

  • Leitura precisa. Os sensores podem ser personalizados para a escala (altura Mh2o/Pascal) desejada bem como podem ter precisões melhores de 5mm a 3cm.
  • Sensores ultra precisos podem ser utilizados para identificar milímetros de variação (como a passagem de um veículo na praia de rejeitos) informando assim sobre o grau de saturação do solo.
  • Monitoramento remoto em tempo real, com dezenas de leituras executadas a cada segundo.
  • Vida útil elevada. Permite monitorar a estrutura por todo o tempo de funcionamento da mesma.
  • Podem ser instalados através de uma grande área sem qualquer necessidade de infraestrutura. Dispensam completamente a necessidade de eletrônicos em campo.
  • Monitoramento permanente e contínuo, independentemente do clima e das condições do cenário,
  • Sistema imune a descargas eletromagnéticas. Sensores não queimam.
  • Dispensa manutenção preventiva em campo.
  • Não necessitam de recalibração do sensor.
  • Por não necessitar de manutenção, podem ser instalados de forma completamente invisível, mitigando o risco de vandalismo.
  • Funcionam em tubos de piezômetros convencionais (Retro compatibilidade 1+”)

 

 

Trabalhamos com líderes mundiais de tecnologia para plantas químicas e industriais. Fornecendo soluções de sensoriamento de temperatura distribuída e com mais de 25 anos de liderança mundial, suas tecnologias são confiáveis e seguras, atendendo as principais normas de segurança para ambientes classificados e com risco de explosão. Com cases de sucesso mundiais, é referência em tecnologia e qualidade estando presente em diversas aplicações desde monitoramento em linhas de transmissão de energia a monitoramento hídrico e detecção de vazamentos.

 

Dúvida sobre esse produto?

Minipa Sense, especializada em sistemas de alarmes por sensoriamento de fibra óptica e cabos metálicos.

Joinville SC

Av Santos Dumont, 4401 - Z. Ind. Norte
Joinville/SC - CEP 89219-730

  • Email: contato@minipasense.com.br
  • Fone: (47) 3467-8444

São Paulo SP

Av. Carlos Liviero, 59 - Vl.Liviero
São Paulo/SP - Cep:04186-100

  • Email: contato@minipasense.com.br
  • Fone: (11) 5078-1852

Newsletter

Cadastre-se para receber novidades sobre os produtos e serviços Minipa Sense.

© Copyright 2017. Minipa do Brasil Ltda.

Busca de Produtos